18 de setembro de 2010

Um encontro histórico, por Ábia Costa

Benendito Nunes

Eram 10:30hs da manhã, no mini-auditório do Instituto de Ciências Jurídicas da Universidade Federal do Pará, um abraço caloroso entre dois dos maiores intelectuais do Brasil e de Portugal, de um lado Benedito Nunes, já com seus 81 anos, e uma vasta bibliografia, paraense de Belém, professor, filósofo, escritor, crítico e ensaísta, Benedito Nunes especializou-se em analisar obras de grandes escritores, como Clarice Lispector, João Cabral de Melo Neto, Guimarães Rosa, Fernando Pessoa, Jean-Paul Sartre e Martin Heidegger. Intelectual, recebeu o Prêmio Jabuti de Literatura em 1987 (na categoria
Estudos Literários, com Passagem para o Poético - Filosofia e Poesia Heidegger), pela Câmara Brasileira do Livro, e o título de Professor Emérito da Universidade do Pará, em 1998.Bem como o prêmio Machado de Assis em 2010.

Eduardo Lourenço

Do outro lado, Eduardo Lourenço, ao 87 anos, português, considerado um dos maiores ensaísta de Portugal, licenciou-se em Ciências Histórico-Filosóficas na Universidade de Coimbra, também premiado, com o Prêmio Camões,dentre outros, grande amigo de José Saramago, e assim como Benedito Nunes, autor de vários ensaios para a revista portuguesa Colóquio Letras.
Ao se sentarem, os dois discorreram conversas sobre Heidegger, Fernando Pessoa e José Saramago, dentre tantas outras coisas, que fizeram uma hora e meia de conversa, ser pouco para esbanjar tanto conhecimento.
Juntando, tanto conhecimento, o encontro foi, além de emocionante, de grande admiração da parte dos estudantes presentes...com certeza foi um encontro inesquecível

Um comentário:

Myla Connor disse...

NOssa!! QUe oportunidade maravilhosa, pena que fiquei sabendo hoje umas 11h da manhã. Beijos, fiquei feliz demais por ti.

Leia também

Related Posts with Thumbnails